Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Household InnovationDestaques Matérias EspeciaisCrescimento do mercado de amaciantes poderá surpreender nos próximos anos

Crescimento do mercado de amaciantes poderá surpreender nos próximos anos

  • Written by:

Vendas poderão se elevar quase 70% até 2024, prevê a Euromonitor

Por Estela Mendonça

Ao mesmo tempo em que entraram em mais lares brasileiros e ganharam versões mais sofisticadas, as vendas de amaciantes cresceram 43,9% nos últimos 5 anos no Brasil, saltando 43,9%, de R$ 2,259 bilhões em 2014 para R$ 3,250 bilhões em 2019, segundo dados da Euromonitor, que prevê um crescimento ainda maior para os próximos anos. Já com a revisão dos impactos do Covid-19 na categoria, a provedora Internacional de pesquisa prevê que até 2024 as vendas atinjam R$ 5,511 bilhões, um crescimento de 69,%, com média anual de 11,1%.

Uma característica da categoria nos últimos anos é a entrada de novos players, mas o mercado ainda é dominado pela Unilever, que detém 24,1% de participação, com as marcas Comfort e  Fofo, seguida da Química Amparo (20,9%), com Ypê.

Variedade e Multibenefícios

Segundo José Domingues, CEO e fundador da Gtex Brasil, a empresa é líder da categoria de amaciantes diluídos em três das sete áreas da Kantar, ocupando o segundo e o terceiro lugares em outras três áreas. São três marcas no mercado com posicionamentos bem demarcados. “A marca Baby Soft atua como trend setter da categoria, oferecendo produtos diferenciados e com tecnologia de ponta”, explica. Já a Urca se posiciona como porta de entrada em amaciantes, voltada a consumidores para os quais o fator preço é importante na decisão de compra. Complementando o portfólio, a marca Ruth Care Baby é focada nos cuidados das roupas de bebê, com produtos hipoalergênicos e dermatologicamente testados.  Ao todo, a empresa oferece mais de 20 variantes.

O mais recente lançamento da Gtex é o amaciante Baby Soft Infinity Care, com perfumação intensa e oito benefícios (maciez, proteção das cores, combate aos maus odores, fortalecimento das fibras e ações antiesgarçante, antibolinha, e estática, que facilita o passar). “Além disso, trouxemos uma embalagem inovadora para a categoria de amaciantes diluídos, com 3 litros, que é o volume médio dos consumidores das marcas da Gtex, acima da média de consumo da categoria”.

José Domingues, CEO e fundador da Gtex Brasil

Domingues acredita que o crescimento do mercado de amaciantes concentrados é o futuro da categoria. “Os consumidores estão aprendendo a usar o produto concentrado e tem crescido o número de lares que mixam as duas versões dos produtos, pois acabam destinando o produto concentrado para alguns usos específicos”, avalia, destacando que os consumidores ainda têm dúvida no rendimento indicado pelos fabricantes para o produto concentrado. Para eles, colocar meia tampinha do produto não trará a perfumação e a maciez esperadas.  “Trazer novas tecnologias para manter uma perfumação duradoura e cuidar melhor dos tecidos, fazendo com que as peças de roupas durem mais tempo, é também uma forte tendência”.

Baby Soft Infinity Care promete oito benefícios

Máxima proteção

A marca Minuano, da Flora, tem em seu portfólio a linha Máxima Proteção que, além de detergente lava-roupas em pó, conta com uma linha completa de amaciantes com sete variantes, sendo quatro diluídas e três concentradas, inspiradas na perfumaria fina.  “A linha conta com a tecnologia Tex Protect, que deixa as roupas com aspecto de novas por mais tempo, conservando a fibra do tecido e protegendo contra o desbotamento das cores e a formação de bolinhas, retardando assim o envelhecimento das roupas”, explica João Gandolfi, gerente de marketing da marca.

Gandolfi detalha que, através de pesquisas com consumidores, a Minuano identificou uma oportunidade de trazer um benefício relevante, tanto para as consumidoras quanto para as duas principais categorias da cesta Lavanderia (detergente em pó e amaciantes). “As consumidoras entendem que o processo de lavagem das roupas acaba desgastando os tecidos e, com o tempo, as roupas ficam com o aspecto de velho. A linha Minuano Máxima Proteção surge com a proposta perfeita para retardar esse desgaste, sem deixar de oferecer uma solução de limpeza eficiente”.

Para se manter presente na memória dos consumidores, a Minuano tem feito um trabalho muito forte nas redes sociais da marca, além de distribuição de amostras grátis através de parcerias, como uma ação realizada recentemente com a Dafiti.

Minuano com Tex Protect: roupas com aspecto de novas por mais tempo

Aposta em fragrâncias

A Ingleza há alguns anos ingressou no mercado de amaciantes com a marca UAU Perfumes, nas versões concentrada e diluída. A versão concentrada é inspirada em perfumaria fina, com fragrâncias exclusivas que se mantêm na roupa por até oito semanas. “As cápsulas inovadoras se rompem facilmente com a fricção, liberando um perfume espetacular, renovando a sensação de frescor prolongado. Temos uma versão inovadora, Rosas e Sedução, que se tornou a queridinha de nossas consumidoras”, afirma Cristiane Araújo, gerente de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da UAU Ingleza.

Segundo Cristiane, os últimos lançamentos foram em versões diluídas, também com perfumes que têm se diferenciando dos padrões de amaciante do mercado. “Inovamos com versões que são muito mais sensoriais, que não trazem apenas conforto e sensação de bem-estar, mas também sofisticação, elegância e glamour. As versões Glamour (preto), Vermelho (Sedução) e Branca (Elegance) se destacam pela performance olfativa surpreendente. Todas possuem cápsulas de perfume que intensificam a sensação de conforto”, diz, ressaltando que a base principal produtos é biodegradável, além de promoverem facilidade para passar, maior alinhamento das fibras e baixa irritabilidade.

Cristiane analisa que o mercado de cuidados com a roupa está cada vez mais competitivo e não aceita mais produtos básicos. “São os momentos mágicos do processo de lavagem, que tem de ser eficiente em cada etapa, seja no molho, na roupa úmida quando sai da máquina, ao estender a roupa no varal e, principalmente, ao recolher, quando o resultado de todo trabalho está ali: roupas limpas e perfumadas. Logo, a exigência por produtos de qualidade é cada vez maior”.

Rosas e Sedução é a variante favorita das consumidoras do UAU Ingleza

Hipoalergênicos

Uma das marcas mais vendidas na Região Sul do país, a Girando Sol, há alguns meses renovou sua linha de amaciantes tradicional (azul, rosa, amarelo e verde), que ganhou novas embalagens e rótulos. Segundo Gilmar Borscheid, diretor da empresa, a mudança veio acompanhada de uma nova subcategoria, o Hipoalergênico, indicado para peles sensíveis e com benefícios comprovados.

Gilmar Borscheid, diretor da Girando Sol

“Com um perfume suave e duradouro, os amaciantes da Girando Sol proporcionam toque macio, facilitam a hora de passar as peças de roupas, além de serem dermatologicamente testados”, destaca Borscheid, que informa também o lançamento de duas novas versões do amaciante concentrado: Hipoalergênico e Coco & Baunilha.

Versão Coco Baunilha é novidade da Girando Sol

Atração olfativa

Uma das mais fortes tendências no mercado de amaciantes é a exploração das fragrâncias como diferencial. Isso se traduz em uma nova dinâmica no desenvolvimento de produtos. “As casas de fragrâncias têm cada vez mais colocado seus perfumistas à disposição dos fabricantes para desenvolverem fragrâncias diferenciadas para esse tipo de produto, a exemplo do que já é feito na perfumaria”, diz Daniel Almeida, diretor comercial do Adhespack Group, empresa brasileira que oferece tecnologias de amostragem. “Deixam de existir aquelas fragrâncias padronizadas, que eram, inclusive, distinguidas pelas tradicionais cores amarela, rosa e azul, para dar lugar a uma vasta gama de opções para atender o consumidor que deseja ter uma identidade olfativa também nas suas roupas”.

Self Sampling é solução para distribuição de amostras

Almeida explica que essa tendência fez surgir uma nova necessidade: “Para que esse diferencial chegue até o consumidor, é importante existir a experimentação, a experiência olfativa no ponto de venda ou mesmo antes, com o envio de amostras dessas fragrâncias para um banco de dados de consumidores”.

Uma amostragem adequada, segundo o executivo, permite que o cliente tenha uma percepção do resultado final nas roupas lavadas, que é bem diferente de que simplesmente abrir a embalagem no ponto de venda e sentir o cheiro do produto concentrado. “Nossas soluções de amostragem olfativas permitem que seja divulgada a fragrância de acordo com a percepção que o consumidor terá na roupa, para que não gere uma expectativa que não será correspondida ou até frustração”.

Sergio Picciarelli, diretor de marketing e inovação do Adhespack Group

Sergio Picciarelli, diretor de marketing e inovação do Adhespack Group, indica como solução para experimentação no ponto de venda o Self Sampling, que distribui amostras manualmente ou automaticamente. “Além de poder sentir as fragrâncias, isso reduz o risco de violação das embalagens e o consumidor recebe também todas as informações sobre os produtos junto com a amostra”, explica, citando estudos que demonstram que a experimentação no ponto de venda pode elevar em 30% as vendas de um produto. “A ideia é estimular o olfato da pessoa, que acaba finalizando a compra porque gostou da fragrância”.

Outra vantagem é que as ações de amostragem podem ser enviadas pelos Correios para estimular a compra pelo e-commerce e são facilmente monitoradas no PDV, já que o Self Sampling pode ser conectado online, permitindo a geração de relatórios em tempo real, com informações como número de amostras dispensadas por loja ou por produto, por exemplo.

Explosão de perfume

Kiomy Thays Hashizumi, gerente de avaliação de fragrâncias da Dierberger Fragrâncias, destaca que, depois da marca, é a fragrância o principal fator na jornada de decisão de compra. “Por isso temos tantas tecnologias para construção de fragrâncias para essa categoria, aumentando o lasting e a explosão”.

Kiomy Hashizumi, gerente de avaliação de fragrâncias da Dierberger

A especialista explica que as fragrâncias para amaciantes tecnicamente possuem uma construção bastante particular, pois precisam perdurar durante um caminho longo: do cheiro sentido no frasco até o que vai percebido ao usar a roupa. “Olfativamente o consumidor busca por ‘cheiro de roupa limpa’, que normalmente é encontrado no amaciante azul, com um cheiro mais tradicional, mas também vemos um grande crescimento pela busca de amaciantes com fragrâncias finas, onde são destacadas notas frutais e polvorosas”.

Destacando que a Dierberger possui laboratórios de pesquisa e sensoriais, dedicados ao desenvolvimento de fragrâncias de última geração e que atendam as demandas do mercado e do consumidor, Kiomy lembra que as muitas tecnologias que podem ser aplicadas a essa categoria para  aumentar performance e duração de perfume, como microcápsulas, tecnologias antiodor e de construção de fragrâncias. “A Dierberger, sempre com seu DNA ligado ao meio ambiente, tem desenvolvido fragrâncias veganas e biodegradáveis”.

Apoio às inovações

Para Fabrizio Mazzeo, gerente técnico Industrial & Home Care da Clariant, nos últimos anos, foi possível perceber que a categoria de detergentes para roupas ganhou destaque em números de lançamentos e em quantidade de benefícios, como tecnologias de fragrâncias, controle de odor, fórmulas 2 em 1, entre outros, o que fez a categoria de amaciantes ser questionada pelos consumidores sobre qual seria seu real propósito e custo-benefício. “Para muitos consumidores, os amaciantes serviam somente para entregar uma fragrância agradável. Este cenário remete à necessidade e tendência da categoria de reposicionamento do produto, relacionando-o a benefícios de cuidado e proteção dos tecidos, prolongamento da vida útil das roupas e preservação das cores, como se o consumidor estivesse usando uma roupa nova todos os dias”, analisa.

Fabrizio Mazzeo, gerente técnico Industrial & Home Care da Clariant

Mazzeo destaca também o crescimento da demanda por produtos sustentáveis e com alto conteúdo de ingredientes naturais, já que os consumidores estão cada vez mais conscientes que seu consumo impacta diretamente o meio ambiente. “Estima-se que o segmento de produtos com apelo natural de limpeza doméstica e industrial crescerá 6,5% até pelo menos 2024”.

Acompanhando as recentes demandas e tendências do mercado, a Clariant destaca os ingredientes TexCare® SRN 260 e TexCare® SRN 260 Life, aditivos de alto desempenho utilizados em produtos para cuidados com as roupas, com aplicações em detergentes, tira-manchas e amaciantes. “Sua principal função é criar uma camada protetora sobre os tecidos, um escudo que impede o contato da mancha com a fibra e facilita sua retirada, além de proteger as roupas, prolongar a vida útil dos tecidos e auxiliar no processo de limpeza nos ciclos subsequentes de lavagem, diminuindo a agressão causada pelo sistema surfactante do detergente”, explica.

Segundo Mazzeo, testes de eficácia comprovaram que um tecido de algodão-poliéster tratado com um amaciante contendo 0,6% de TexCare® SRN 260 apresentou ampla proteção contra manchas, melhorando a remoção de sujidades oleosas em até 20% e mantendo o tecido 50% mais branco nas lavagens subsequentes.

 “Além desses benefícios, com a variante TexCare® SRN 260 Life, lançada este ano, é possível entregar também excelência em sustentabilidade, por se tratar de um produto de origem renovável e com Índice de Carbono Renovável (RCI) de 80%, considerado altíssimo nessa categoria”, ressalta o gerente da Clariant, acrescentando que suas características sustentáveis atendem  à  demanda cada vez maior de consumidores que buscam  produtos mais amigáveis ao meio ambiente.

O executivo explica que, por sua natureza não iônica, TexCare® SRN 260  apresenta compatibilidade com os sistemas de tensoativos tradicionais, e sua forma líquida é de fácil manuseio, facilitando o processo de fabricação,   além de possuir 60% de conteúdo ativo, excelente perfil de biodegradabilidade e altíssimo índice de carbono renovável.

Cuidado em destaque

Meris Milek, responsável pela área de Innovation Management em Cleaning Solutions na Evonik Central & South America, analisa que, diante do enfrentamento da pandemia, o consumidor passou a adotar novos hábitos de limpeza que tendem a permanecer, levando em conta que ele incorpora no seu dia a dia a consciência sobre a importância desse processo de limpeza eficaz e mais frequente. “O conceito de cuidado estará cada vez mais em destaque, aumentando a demanda por produtos que garantam a eficiência de limpeza, sejam seguros para serem utilizados em seus lares e, ao mesmo tempo, tenham baixo impacto no meio ambiente”.

Meris Milek, gerente de inovação da Evonik

A executiva aposta que a busca por produtos mais éticos e sustentáveis é uma tendência que vai permanecer como ponto de diferenciação entre as marcas. “Tanto para os consumidores como para os fabricantes, a conveniência no uso e a alta performance caminham juntas na busca de soluções no cuidado com as roupas”, afirma, recomendando que o investimento deve ser constante em inovação e no desenvolvimento de ingredientes multifuncionais, que possam alegar diversos benefícios e sejam fáceis de aplicar, melhorando o fator custo-benefício.

Pensando em todo esse contexto aplicado ao mercado de cuidados com as roupas, a Evonik tem desenvolvido com sucesso soluções para amaciantes, como o REWOQUAT® WE 18 E BR, que apresenta ativo prontamente biodegradável e uma especialidade de silicone que traz tecnologia no cuidado das fibras. “O REWO® SCENT G 100 torna possível melhorar significantemente a performance dos amaciantes com um único ingrediente, devido à sua propriedade de deposição nas fibras sem prejudicar a umectação”, explica.

Testes avaliaram que REWO®️ SCENT G 100 melhora a performance do amaciante em três estágios

Entre os benefícios, Meris cita a proteção das fibras, já que, mesmo com lavagens frequentes, o REWO® SCENT G 100 evita que as fibras se desgastem e previne a formação de bolinhas, além de retardar o desbotamento. A intensidade da fragrância também é impactada: “Com o uso do aditivo é possível melhorar a percepção da fragrância, mesmo após vários dias da lavagem, sem interferir nos sistemas de fragrâncias utilizados”.

A praticidade também é garantida pelo mesmo ingrediente, que provê maior deslizamento ao passar e reduz os amassados. “A melhora do sensorial e a maciez complementam o aspecto de bem-estar ao usar as roupas lavadas. Essas e outras soluções estão à disposição para proporcionar aos consumidores uma experiência completa de bem-estar, praticidade e segurança para todos e para o planeta”, completa Meris.

Comments are closed.

Parceiros